Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
24/10/19 às 15h12 - Atualizado em 25/10/19 às 10h08

Acordo com lideranças indígenas libera conclusão da W9

COMPARTILHAR

A Terracap e lideranças das comunidades indígenas Kariri-Xocó e Tuxá residentes no Noroeste assinaram um acordo por meio do qual as 16 famílias das tribos serão transferidas para uma área de 14 hectares nas imediações do próprio bairro. Nesse local, será construída a reserva indígena Kariri-Xocó e Tuxá do Bananal-DF.

 

Articulado pelo chefe da Casa Civil, Valdetário Andrade Monteiro, o acordo deu fim a um embaraço e permitirá a conclusão da via W9. “Esse impasse, que perdurava há anos, só foi possível ser resolvido graças ao desdobramento pessoal do chefe da Casa Civil do GDF”, afirma Bruno Sigmaringa Seixas, secretário-executivo da Casa Civil que representou Valdetário na solenidade.

 

De acordo com o termo de compromisso celebrado, a área será doada pela Terracap à União e, posteriormente, administrada pela Fundação Nacional do Índio (Funai).

 

 

Preservação

 

“Esse acordo vem sendo tratado desde 2008, e seu alcance comprova que é possível a convivência harmônica entre o desenvolvimento econômico, na medida que viabilizará a construção da W9, com a preservação da cultura indígena, que faz parte da grande nação brasileira”, declarou o diretor de Desenvolvimento Econômico e Regularização Social da Terracap, Leonardo Mundim.

 

O local demarcado para a construção da reserva indígena é conhecido como Área de Relevante Interesse Ecológico (Arie) Cruls. A Terracap deverá executar a infraestrutura da área, que inclui o sistema de abastecimento de água, esgoto e energia.

 

Ainda serão construídas 16 unidades habitacionais, uma estrutura de guarita, um centro de convivência indígena, sete ocas pequenas e um terreiro, além de uma casa de produção de farinha para apoiar a sustentabilidade da aldeia. Todo o perímetro da reserva será cercado pela Terracap.

 

 

Segurança

 

“Nossos diretos estão sendo respeitados e, agora, teremos segurança”, declarou a cacique Ivanice Tatoné, representante das duas tribos. “Com o poder do grande espírito, conseguimos essa vitória. Hoje é um dia de festa”, contou.

 

Para que a via W9 seja logo concluída, oito das 16 famílias serão imediatamente realocadas para moradias provisórias, também edificadas pela Terracap.  As demais, como não vivem na área em que estão sendo feitas as obras, poderão ser transferidas para moradias definitivas, no prazo estabelecido pelo acordo.

 

 

Participaram também da solenidade de assinatura a defensora pública federal Larissa Amantea e a defensora pública do DF Karoline Ribeiro.

 

 

*Com informações da Terracap

Fotos: ASCOM/Terracap – Daniel Santos