Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
11/04/17 às 12h07 - Atualizado em 29/10/18 às 17h18

Acordo de cooperação entre governo e Abrace beneficia crianças com câncer

COMPARTILHAR

Por meio de contrato de cinco anos, Administração Regional do Guará cedeu espaço de 6,1 mil metros quadrados à instituição filantrópica

A parceria do governo de Brasília com a Associação Brasileira de Assistência às Famílias de Crianças Portadoras de Câncer e Hemopatias (Abrace) foi renovada por mais cinco anos. Uma área de 6,1 mil metros quadrados pertencente à Administração Regional do Guará será formalmente cedida para a instituição filantrópica.

A renovação do acordo de cooperação foi anunciada nesta segunda-feira (10), em cerimônia de inauguração de novos espaços da Abrace, no Guará. O governador de Brasília, Rodrigo Rollemberg, e a esposa e colaboradora do governo, Márcia Rollemberg, participaram do lançamento do Espaço Pedagógico e dos alojamentos para transplantados.

A cessão do terreno não envolve transferência em dinheiro. A sede fica na QE 25, Área Especial I, no Centro Administrativo Vivencial e Esporte (Cave). A construção dos novos setores da instituição foi custeada por apoiadores da sociedade civil e parceiros.

Pacientes de outros estados não precisarão interromper os estudos durante o tratamento, destaca o governador Rodrigo Rollemberg. “[O acordo de cooperação] significa um gesto de amor, de acolhimento. Isso permite que as crianças façam seus tratamentos como se estivessem na própria casa e continuem a estudar. Com isso, elas ampliam as esperanças de superar o câncer e voltar a ter uma vida normal.”

“(O acordo de cooperação) significa um gesto de amor, de acolhimento. Isso permite que as crianças façam seus tratamentos e continuem a estudar”
Rodrigo Rollemberg, governador de Brasília
Para o secretário de Educação, Júlio Gregório Filho, o Espaço Pedagógico é uma importante ferramenta de terapia complementar. “Aqui, elas podem desenvolver brincadeiras que geram muito aprendizado”, defendeu.

Com a possibilidade de dar prosseguimento aos estudos, proporciona-se mais qualidade de vida a quem se aloja na Abrace, de acordo com a presidente da entidade, Ilda Peliz. “Não queremos que nenhuma criança fique fora da escola. Agora, nenhuma criança hospedada aqui perderá o ano letivo”, festejou.

A formalização do acordo entre Abrace e governo dá tranquilidade para a entidade desenvolver as iniciativas. “Não podemos deixar de apoiar a Abrace. Os pacientes de outros estados em tratamento aqui, muitas vezes, só têm a Casa de Apoio para ficar”, explicou o administrador do Guará, André Brandão.

O custo das obras foi de R$ 1,7 milhão, arrecadado por meio da campanha McDia Feliz, do Instituto Ronald McDonald. Mobiliário e decoração dos espaços foram doados por parceiros da iniciativa privada do DF.