Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
23/11/18 às 11h14 - Atualizado em 23/11/18 às 12h23

?Artes visuais de Brasília ganham novo estímulo com política para o setor

COMPARTILHAR

A produção de artes visuais de Brasília receberá novo impulso com o lançamento da Política Setorial de Artes Visuais do Distrito Federal na noite desta quinta-feira (22) no Museu Nacional.

 

A cerimônia ocorreu durante a abertura da exposição A/riscado ACT: Arte, Ciência e Tecnologia, promovida pela Secretaria de Cultura e Fundação de Apoio à Pesquisa do DF.

 

Publicada no Diário Oficial do Distrito Federal de hoje, a política pública também visa facilitar o acesso da sociedade às artes plásticas criadas na capital federal.

 

A coordenação ficará a cargo da Fundação das Artes do DF (Fundarte), conforme previsto na Lei Orgânica da Cultura (LOC).

 

Entre os exemplos de estratégias apresentados pela Secretaria de Cultura estão:

 

  • manutenção contínua de equipamentos públicos voltados para as artes visuais
  • incentivo à criação de cursos de competências técnicas
  • promoção de intercâmbios que propiciem a formação artística e técnica do setor
  • estímulo ao patrocínio pela iniciativa privada, por meios diretos ou incentivado, para produção e exposição de artes visuais
  • premiação de agentes e espaços culturais
  • medidas para ampliar acessibilidade de pessoas com deficiência na produção e consumo de artes visuais

“Já lançamos cinco portarias setoriais das artes, feitas em discussão intensa com todas as categorias”, disse o secretário de Cultura, Guilherme Reis. “A participação social era uma das nossas prioridades.”

 

Política Distrital das Artes do DF

 

Além dessa, cinco políticas voltadas para outros segmentos artísticos formarão a Política Distrital das Artes do DF:

 

A intenção é garantir que as especificidades de cada área cultural sejam atendidas por apoio público.

 

Exposição A/riscado ACT: Arte, Ciência e Tecnologia

De 23 de novembro a 13 de janeiro de 2019
Visitação de terça a domingo
Das 9 horas às 18h30
Na galeria principal do Museu Nacional — Conjunto Cultural da República (próximo à Rodoviária do Plano Piloto)

Entrada franca

 

Lançamento ocorreu durante abertura de exposição no Museu Nacional na noite desta quinta (22)

 

VINÍCIUS BRANDÃO, DA AGÊNCIA BRASÍLIA

EDIÇÃO: RAQUEL FLORES