Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
26/04/17 às 14h56 - Atualizado em 29/10/18 às 17h18

Governador e Itamaraty debatem preparativos para 8º Fórum Mundial da Água

COMPARTILHAR

Encontro com ministro das Relações Exteriores foi na tarde desta terça (25). Gestores ligados ao tema participam de evento prévio nesta quarta (26), no Centro de Convenções Ulysses Guimarães

Os preparativos do 8º Fórum Mundial da Água, que Brasília sediará de 18 a 23 de março de 2018, foram debatidos em reunião no Palácio do Itamaraty, na tarde desta terça-feira (25), entre o governador Rodrigo Rollemberg e o ministro das Relações Exteriores, Aloysio Nunes Ferreira.

Entre os pontos principais, as autoridades trataram dos detalhes do segundo encontro prévio ao fórum. O Stakeholders Consultation Meeting (reunião de consulta às partes interessadas) ocorre nesta quarta (26) e quinta-feira (27), no Centro de Convenções Ulysses Guimarães.

Cerca de 900 pessoas, do Brasil e de outros países, entre representantes de universidades, governantes, entidades privadas, instituições financeiras e ONGs ligadas ao tema, participam do encontro.

“Queremos que o evento seja um espaço de conscientização e mobilização, para que possamos cada vez mais usar a água de forma sustentável”
Rodrigo Rollemberg, governador de Brasília
Rollemberg destacou a importância estratégica do evento para Brasília. “Vamos discutir as diretrizes temáticas e definir quem serão os convidados para debater e formular esse tema fundamental que é a gestão das águas”, observou.

A reunião, organizada pelo Conselho Mundial da Água, em parceria com a Agência Nacional de Águas (ANA) e a Agência Reguladora de Águas, Energia e Saneamento do Distrito Federal (Adasa), é a continuação do Kick-Off Meeting, que ocorreu em junho de 2016.

Segundo o governador, o fórum será a oportunidade de Brasília deixar um legado para o mundo no que diz respeito ao assunto. “Queremos que o evento seja um espaço de conscientização e mobilização, para que possamos cada vez mais usar a água de forma sustentável”, explicou.

O diretor-presidente da Agência Nacional de Águas, Vicente Abreu Guillo, também estava presente ao encontro desta tarde. Pelo governo de Brasília, participaram o diretor-presidente da Adasa, Paulo Salles, e a chefe da Assessoria Internacional, Renata Zuquim.

 

O evento ocorre a cada três anos e já passou por Daegu, na Coreia do Sul (2015); Marselha, na França (2012); Istambul, na Turquia (2009); Cidade do México, no México (2006); Kyoto, no Japão (2003); Haia, na Holanda (2000); e Marrakesh, no Marrocos (1997).