Governo do Distrito Federal
Maria da Penha ONLINE Governo do Distrito Federal
29/04/24 às 11h08 - Atualizado em 29/04/24 às 11h08

Mais de 930 placas reforçam o endereçamento nas regiões do DF

Essenciais para guiar a população pelas ruas do Distrito Federal, as placas com endereçamento passaram por manutenção. Responsável por esse procedimento, o Departamento de Estradas de Rodagem (DER-DF) investiu aproximadamente R$ 1,4 milhão para instalar mais de 930 placas entre janeiro e abril deste ano. O serviço abrange uma série de procedimentos, desde a simples troca do adesivo, colocação no prumo e aplicação de novas camadas de pintura até a instalação de sinalizações novas.

Ano passado, foram 4,5 mil novas placas que demandaram um investimento de R$ 3,9 milhões. Em 2024, os técnicos do departamento já estiveram em São Sebastião, Sol Nascente/Pôr do Sol, Água Quente, Guará, Gama, Riacho Fundo e Candangolândia. O superintendente de Operações do DER, Murilo de Melo Santos, explica que o órgão atua em várias frentes para garantir a eficiência da sinalização de endereçamento das ruas que cortam as 35 regiões administrativas do Distrito Federal.

 

“A instalação dessas placas ocorre por vários meios: temos demandas recebidas da Ouvidoria, em que o próprio cidadão solicita o reparo ou substituição da placa danificada, e por meio das administrações regionais; também procuramos instalar as primeiras placas de cidades novas como Água Quente, Arapoanga e Sol Nascente/Pôr do Sol”, disse Murilo.

Além de instalar novas placas, as que estão em más condições de visualização são trocadas ou reformadas. “Fazemos um trabalho preventivo de manutenção. Em algumas cidades, é natural que a ação do tempo provoque o desbotamento das placas. Então, na medida que as demandas chegam, buscamos atendê-las e, em paralelo, vamos mantendo as já existentes”, acrescenta o superintendente.

 

Na quarta-feira (24), foi a vez de Águas Claras receber novas placas de endereçamento. Por lá, foram instaladas nove, que se somaram às outras quatro que já haviam sido colocadas no início do ano. O serviço foi elogiado pelos moradores que passavam e notavam a nova sinalização.

“Não moro em Brasília, estou aqui para visitar minha filha. E eu, particularmente, gosto muito de me situar por meio das placas. Aqui em Águas Claras tem bastante, mas é importante que estejam trabalhando para melhorar ainda mais. É um serviço que serve também para promover a educação no trânsito”, avalia a aposentada Madalena Callai, 69 anos.

 

Papel social

 

O superintendente do DER destaca a função social das placas de endereçamento. Segundo ele, a manutenção contínua das sinalizações contribui significativamente para a organização e a fluidez do tráfego, promovendo a segurança e a comodidade dos usuários das vias urbanas.

“Sem sinalização, a mobilidade fica prejudicada”, enfatiza. “Elas têm uma função social muito importante, garantindo que as pessoas se desloquem e tenham acesso a inúmeros serviços – polícia, bombeiros, Samu e até coisas mais simples como entregas dos Correios”, prossegue Murilo.

 

Para o motorista de aplicativo Jonas Póvoa Coelho, 39, uma rua bem sinalizada facilita no dia a dia, quando precisa levar um passageiro a um local desconhecido. “Eu sempre olho a rota no app, mas gosto de conferir nas placas das ruas se o local é realmente aquele. Em Águas Claras tem muita placa, mas quanto mais, melhor”, pontua.

O serviço de instalar placas de endereçamento segue pelos próximos dias em Santa Maria, Sobradinho e Paranoá. A população pode participar ativamente fazendo a solicitação via Ouvidoria, no site do Participa DF.