Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal

Curso de capacitação para administradores regionais é sucesso na Egov

Boas práticas de Governança e Compliance na administração pública foram os temas tratados no segundo dia de palestras

 

Ocorreu, na última terça-feira (2), o segundo dia curso de capacitação para administradores regionais na Escola de Governo (Egov). Os administradores tiveram palestras com temas voltados para as boas práticas de Governança e Compliance na administração pública e o objetivo foi atualizar, discutir e fazer intercâmbio de informações com vistas ao alinhamento entre as administrações regionais e o Governo do Distrito Federal. As aulas foram de 8h às 12h.

 

Com o foco na difusão de melhores práticas de gestão no âmbito da administração pública, a Secretária-Executiva de Governança e Compliance da Casa Civil, Cristiane Nardes, e os servidores Grice Araújo e Alexandre Brandão da mesma área, falaram sobre os conceitos e pilares da Governança e Políticas Públicas, e como a Governança pode auxiliar no aperfeiçoamento do processo de planejamento, produção de informações e definição de prioridades nas Regiões Administrativas (RA’s).

 

“Foi uma manhã rica em conteúdo, com o intuito de apresentar à alta gestão das administrações regionais como o conjunto de mecanismos de liderança, estratégia e controle, abordados pela governança pública, pode monitorar e trazer melhorias à gestão, com vistas à condução de políticas públicas e à prestação de serviços para a sociedade. É um trabalho de liderança, estratégia e controle. Sem esses três pilares, não é possível levar adiante. Precisamos sensibilizar as lideranças da importância do trabalho que eles têm pela frente, para que isso ocorra da melhor forma possível”, enfatizou Cristiane Nardes.

 

Na sequência, tiveram palestras com a subsecretária de Compliance, Mariana Montenegro e o servidor da mesma área, Rodrigo Ramos Gonçalves, que falaram sobre integridade e gestão de riscos. “O Programa de Compliance tem como objetivo promover a adoção de medidas e ações institucionais destinadas à prevenção, detecção e mitigação de fraudes e práticas de corrupção para a garantia de um governo firme e sólido”, explica Mariana Montenegro.

 

A manhã contou ainda com a apresentação da servidora da área de saúde, Anna Karina Vieira da Silva, que falou sobre o Programa de Integridade da Fundação Hemocentro de Brasília, como boas prática no GDF.